JOVEM PAN LANÇARÁ SUA PRÓPRIA PLATAFORMA DE CONTEÚDO

Matéria de ISTOÉ DINHEIRO

A rádio Jovem Pan lançará o Pan Flix, sua plataforma de conteúdo original conectada ao Youtube. Com investimentos de R$30 milhões em novos estúdios, a rádio terá novos programas e reformulações para atrair o público. Saiba quais serão as novidades.

A rádio paulistana, Jovem Pan, lançará em Outubro sua própria plataforma de conteúdo, o Pan Flix. Com produções originais a rádio espera crescer ainda mais.

Segundo a matéria da IstoÉ Dinheiro, a Jovem Pan já possui um canal gigante no Youtube. Para se ter uma ideia, os 24 programas disponibilizados na plataforma somaram um total de 42 milhões de visitantes (unique visitors) nos últimos 90 dias. Com a novidade, a rádio espera crescer ainda mais, já que sua plataforma será conectada ao Youtube.

Antônio Augusto Amaral de Carvalho Filho, ou Tutinha, presidente do grupo contou que o sucesso na audiência da rádio está ligado à opinião: “O segredo da Jovem Pan foi colocar opinião no ar, já que jornalismo é commodity”.

Para fazer a plataforma acontecer, foram investidos R$30 milhões em novos estúdios, o que deixará a Pan Flix com a “cara de uma emissora de TV”.

Serão lançados novos programas, incluindo uma série de conferências no estilo TED Talks e uma retrospectiva com material histórico que a rádio guarda desde os anos 50, como gols do Pelé e os ataques de 11 de setembro.

Inicialmente, o Pan Flix será gratuito. Entretanto, deve haver uma versão paga, sem anúncios. Haverá ainda um app para smartphones e em Tv’s da Samsung.

“Nós não temos medo de errar”, diz Roberto Alves de Araújo, CEO da Jovem Pan. “É melhor errar do que ter medo de fazer”.

 

Foto: Programa Pânico/Divulgação

Está no ar mais um episódio do FF Podcast. Desta vez o tema é: #6 – POP LACRAÇÃO com a participação de Pablo Bispo. OUÇA AQUI!

Leia na origem

Rádio Globo reformula sua programação e foca na música popular

Matéria de @meioemensagem

Para reverter queda de faturamento, a Rádio Globo reformula sua programação e encerra programas como o de Otaviano Costa e Adriane Galisteu. Entenda.

A Rádio Globo anunciou que fará uma reformulação de sua programação para focar em música popular.

Segundo o Meio & Mensagem, a mudança de programação da Rádio Globo deve encerrar vários programas como os de Otaviano Costa e Adriane Galisteu, a partir de julho.

Em comunicado, o Sistema Globo de Rádio afirmou que “vai iniciar um novo projeto de programação. A partir de 15 de julho, a emissora passa a concentrar seu conteúdo em música popular. As transmissões de jogos de futebol continuam na grade, bem como o programa Globo Esportivo.”

De acordo com portal, desde 2017, a Rádio Globo tem buscado mudanças para reverter as  “tendências negativas de faturamento e uma operação deficitária”. Parece que o projeto da nova Rádio Globo não resolveu as questões. No entanto, o Sistema Globo de Rádio negou o encerramento do projeto.

 

Foto: Divulgação

Leia na origem

Rádio Cidade voltará ao Rio de Janeiro

Após dois anos a Rádio Cidade vai voltar para os ouvintes cariocas! Com nova estratégia e foco no público jovem/adulto que curte baladas de flash/soft rock, a rádio espera conseguir maior audiência e visibilidade das marcas.

O portal Tudoradio.com, confirmou o retorno da Rádio Cidade no Rio de Janeiro, após dois anos operando apenas online. A partir do dia 4 de fevereiro, os ouvintes cariocas poderão sintonizar na 102.9, e ouvir novamente a Rádio Cidade, que ficará no lugar da RIO FM.

De acordo com o tudoradio.com, a emissora voltará com novas estratégias, focando um público mais adulto, na faixa de 25 a 49 anos, classe AB. Na programação da rádio terá hits do gênero flashrock/soft rock (como as clássicas do Chicago e Foreigner).

“[A Cidade FM] virá para preencher um nicho musical ‘faltante’ no mercado de rádio carioca. Um verdadeiro oceano azul disponível no segmento de FM no Rio de Janeiro, sendo um projeto mais adulto do que jovem”, informou um representando da rádio ao portal.

Atualmente, a Rádio Cidade tem alcançado bons resultados de audiência na transmissão digital e espera conseguir o mesmo no Rio, uma vez que as rádios de rock no mundo tem ganhado mais espaço na participação de mercado (em São Paulo são duas FMs e estão entre as 15 maiores audiências no Brasil).

Foto: Foreigner – YouTube/Atlantic

Leia na origem

#VemNovidade! Deezer lança o Radio By Deezer, novo app para quem ama rádio.

Matéria de @MusicWeek

A Deezer lançou um aplicativo super bacana para quem adora rádio. O novo app Radio By Deezer permite o acesso a 30.000 estações de rádio em todo o mundo de forma gratuita, e ainda tem um bônus: a sincronização com a plataforma de streaming da Deezer.

A Deezer lançou no Reino Unido o Radio By Deezer, um novo aplicativo que conecta a 30.000 estações de rádio, incluindo a Absolute Radio, talkSport, BBC Radio, Classic FM e Kiss Network.

Segundo o portal MusicWeek, no Radio By Deezer, os ouvintes podem se conectar a várias estações de rádio, não só no Reino Unido, mas conforme a sua localização atual.

O mais legal é que o aplicativo também sincroniza com a plataforma de streaming da Deezer, permitindo que os usuários “curtam” qualquer música ouvida na rádio. Assim, o aplicativo adiciona automaticamente as músicas curtidas na biblioteca do usuário no serviço de streaming.

Por enquanto, o Radio By Deezer é gratuito, sem anúncios, e está disponível gratuitamente na loja do Android. Uma versão para iOS será lançada em breve. Não foram anunciadas informações sobre a expansão do aplicativo para outros países como o Brasil.

Olivier Miljeu, gerente de produto da Radio By Deezer, disse: “Os fãs de rádio merecem uma experiência adaptada às suas necessidades exatas. Nosso aplicativo fácil de usar oferece acesso rápido às suas estações favoritas, todas com uma experiência de audição sem perturbações e sem anúncios”.

Leia na origem

INADIMPLÊNCIA DAS RÁDIOS NO BRASILEIRAS CHEGA A R$7 MILHÕES

Apesar de esforços para a realização de acordos mais favoráveis, a dívida com direitos autorais das rádios brasileiras chega R$7 milhões.

A UBC publicou uma notícia sobre a inadimplência das rádios brasileiras no pagamento de direitos, o valor da dívida chega a R$7 milhões.

De acordo com a UBC (União Brasileira de Compositores), apesar de seus esforços para mudar esta realidade, 59,7% das emissoras nacionais tinham algum valor em aberto de janeiro a outubro em 2018.

Com relação as rádios comunitárias, o número é ainda maior, 41,7%,  mesmo tendo uma tabela inferior às outras.  Ao todo, o valor a dívida das rádios brasileiras é de R$ 6.777.160,00.

A UBC, lembrou que em junho de 2018, a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara do Senado aprovou um projeto de lei (PLS 55/2016) para permitir que rádios comunitárias e educativas veiculem anúncios publicitários pagos. Entretanto, o projeto encontra-se parado. Caso seja aprovado, as rádios comunitárias poderão contribuir mais e diminuir sua inadimplência.

 

Foto: UBC

Acompanhe o MCT também pelo Instagram: @mct.mus. 

Assine nossa newsletter!

Leia na origem

Por que o Rádio ainda é o Rei da Comunicação no Brasil? Entenda…

Matéria de @LinkedInEditors

Vamos falar sobre rádio no Brasil? Pesquisas confirmam que o rádio continua sendo o maior veículo de comunicação no país e tem sido consumido por jovens através de celulares, online e podcasts! Veja o que as pesquisas apontam sobre o rádio no país.

Semana passada, o rádio ganhou destaque em nosso grupo do Facebook. Postamos um artigo do Linkedin com pesquisas sobre o rádio no Brasil.

No artigo, uma pesquisa da “Book de Rádio” elaborada pelo Kantar Ibope mostrou que o rádio continua sendo consumido pela maior parte da população, com 53% ouvindo regularmente.

A mesma pesquisa afirmou que a média de tempo gasto ouvindo rádio é de 4 horas e 40 minutos por dia. Além disso, em tempos de Fake News, 78% dos ouvintes consideram esse veículo como confiável, “um dos maiores índices entre os meios de comunicação”, afirmou o artigo que também considerou o rádio como uma “fonte ágil” e “precisa” de informação.

Houve crescimento no consumo de rádio pela web, o tempo médio diário dos ouvintes é de 2h21min, um acréscimo de 14 minutos em comparação a análise passada.

De acordo com outra pesquisa, “Atlas da Notícia”, do Projor – Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo Atualmente, no Brasil, há 4.007 estações de rádio (entre AM e FM), 3.368 jornais impressos, 2.773 emissoras de televisão e 2.263 veículos online. Entretanto, a quantidade de títulos de revistas circulando no país é de apenas 56 edições nacionais.

A pesquisa apontou que 81 rádios encerraram suas atividades, como os jornais: “Brasil Econômico”, “Diário Mercantil”, “Jornal do Comercio”, “Diário de São Paulo”, “Diário do Comércio” e “Jornal da Tarde”.

O rádio continua sendo a preferencia dos jovens! A pesquisa apontou que 91% dos ouvintes na faixa etária entre 15 e 19 anos declararam ter consumido rádio nos últimos 30 dias, “com  alcance de 90% entre as pessoas de 20 a 49 anos”, informou o artigo.

Leia na origem

Rádio Globo se reinventa com foco no entretenimento

Matéria de O Globo

A Rádio Globo está reinventando sua programação. Agora, a rádio terá um olhar retrô, mas voltado para o entretenimento.

Nomes como Otaviano Costa, Leo Jaime, Mônica Martelli e Tiago Abravanel farão parte da programação que contará também com esforços importantes no lado esportivo.

A nova programação entrará no ar nesta segunda, dia 12, no Rio, em 98.1 FM. Em São Paulo, a estreia será dentro de alguns dias. As novidades, porém, já começaram na última segunda-feira na internet (em radioglobo.com.br).

Uma das novidades será a união do futuro e passado com o programa diário “Em cartaz” que g ganha edição especial aos domingos, com conteúdo todo baseado nos arquivos do Sistema Globo de Rádio. O tesouro, disponível a partir das 23h, remonta a 1944, ano da fundação da emissora. Confira o que a rádio preparou para conquistar a audiência.

Leia na origem

Rádio Alpha FM chega ao Rio de Janeiro

Os cariocas poderão ter mais uma opção de música de qualidade, em junho a Rádio Alpha chegará no Rio de janeiro.

A chegada da rádio se deu pela parceria entre o Grupo Bandeirantes de Comunicação e o Grupo Camargo de Comunicação.

“Voltada ao público adulto e com um repertório musical que mescla hits internacionais com MPB, a rádio terá o nome de Alpha 100% Rio e será transmitida na frequência 94,9 FM – que, atualmente, é ocupada pela BandNews Fluminense FM”.

Leia na origem

Do fonógrafo à música digital

Matéria de Brasileiros

Por meio de transmissões radiofônicas e plataformas online, as radialistas Biancamaria Binazzi e Roberta Martinelli difundem mais de um século de história de nossa música popular e também dão voz às produções de artistas contemporâneos

As radialistas Biancamaria Binazzi e Roberta Martinelli falam sobre o programa de rádio chamado Cultura Livre. Voltado à difusão do trabalho de intérpretes e compositores brasileiros, resgata a história da música popular e apresenta novos artistas ao público.

O projeto nasceu na Campus Party e hoje está na grade oficial da TV Cultura. Inovando ao fazer transmissões simultâneas na Internet, por meio da câmera de um celular, o programa é um sucesso. Exibido semanalmente, já recebeu mais de 300 bandas e artistas em carreira solo.

Leia na origem

©2020 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?