Matéria de O Globo

Álbum póstumo do rapper foi lançado 13 anos depois de sua morte

Por P.A

Desde o lançamento do álbum póstumo de Sabotage no Spotify, o número de ouvintes na plataforma cresceu 570% e os streams do artista aumentaram em quase 2.000%, no dia do lançamento.

Após ser assassinado durante as gravações de seu álbum de estreia, ele acabou deixando apenas rascunhos das canções, mesmo assim, foi o suficiente para a produção do novo álbum.

Um forte time está por trás da produção como Topkillaz, Rappin’ Hood, BNegão, Dexter, Céu e integrantes da família RZO (DJ Cia, Sandrão e Negra Li). “Todos abriram mão de seus direitos em favor dos filhos de Sabotage, Wanderson e Tamires.”

 

Leia na origem

©2018 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?