A violação de direitos autorais já não é a maior preocupação da indústria discográfica, e sim, o YouTube.

Durante o World Intellectual Property Organization (WIPO), o IFPI organizou um encontro no qual David Price foi um dos convidados. Um dos assuntos mais abordados no encontro foi relacionado ao “Value Gap”, que é uma diferença entre o que usuários de serviços (como Youtube) consomem de música e o que eles retornam em dinheiro para o mercado.

No encontro, Price admitiu que a violação de direitos autorais já não é a maior preocupação da indústria discográfica, e sim as plataformas de streaming, como o YouTube que pagam aos autores um valor muito abaixo pelos seus direitos autorais.

Foram discutidos outros temas importantes para a indústria como a lei do “safe harbor’ que acaba protegendo o YouTube a não ter responsabilidades sobre conteúdos irregulares na plataforma.

Tags:

Leia na origem

©2018 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?