A dificuldade em disputar visualizações com o YouTube foi um dos motivos que levaram o encerramento do site e aplicativos Vevo após nove anos.

O Vevo é um site de vídeos musicais que surgiu da união entre as empresas Universal Music Group, Sony Music Entertainment, Warner Music Group e a Abu Dhabi Media. O site foi criado para ser uma tentativa de aumentar a receita de publicidade dos vídeos que pertenciam aos artistas do grupo e disputar com o YouTube.

Infelizmente seu desempenho não foi o esperado, pois a ideia de levar os espectadores da plataforma do Google ao site da Vevo não funcionou. Os fãs de música demonstraram não se importar muito com a qualidade do vídeo ou se ele era oficial e acabavam assistindo os vídeos no YouTube.

Nove anos depois, um acordo com o YouTube foi realizado dando acesso total a seus produtos. Embora esteja encerrando apenas o website e o aplicativo para dispositivos móveis é uma questão de tempo para que seja o fim de todo os serviços. “Afinal, por que gastar dinheiro com uma entidade que não está lhe dando tanto valor?” afirmou o site Music Industry Blog.

No ano passado a plataforma arrecadou cerca de US$650 milhões em receita e um total de 300 bilhões de visualizações, o suficiente para a empresa para empatar. A maior parte dessa receita veio como resultado do investimento em publicidade do YouTube, o que mais uma vez confirma que um novo acordo de distribuição será mais lucrativo do que realizar mais esforços.

O fim de Vevo comprova que mesmo empresas bem-sucedidas e bem-financiadas têm dificuldade em enfrentar um monstro tecnológico como o Google.

Tags:

Leia na origem

©2018 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?