Matéria de 9to5Google

RIAA divulga em seu novo relatório bom desempenho da indústria musical, graças aos serviços de streaming de músicas. No entanto, verificou-se que o YouTube é o serviço que menos contribui para o crescimento do setor.

A RIAA (Recording Industry Association of America) divulgou o desemprenho geral da indústria da música em 2016. Conforme postado em seu blog, a indústria da música arrecadou $7.7 bilhões durante 2016, acima de 11.4% comparado a 2015.

Em termos de pagamentos aos autores de música, foi identificado que a Apple paga entre 12 a 15 dólares por mil streams, enquanto o Spotify paga cerca de 7 dólares, e o YouTube paga apenas 1 dólar. A RIAA observa que o que está realmente impedindo a indústria da música de crescer são os baixos pagamentos de serviços como o YouTube, que usa uma “brecha legal” para pagar uma taxa tão baixa.

Isso acontece devido a maneira da qual o YouTube explora as lacunas legais, indevidamente, para pagar aos autores  taxas inferiores do verdadeiro valor da música, enquanto outros serviços digitais – incluindo novos e pequenos inovadores – não podem. Leia o relatório completo da RIAA na notícia.

Tags:

Leia na origem

©2018 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?