Matéria de O Globo

Ontem, foram divulgados novos dados com relação à Indústria Fonográfica no Brasil. Streaming cresceu 60,4% em relação a 2015.

O relatório da IFPI (sigla em inglês para Federação Internacional da Indústria Fonográfica), divulgado nesta terça (23), confirmou que o consumo digital de música no mundo chegou aos 50% graças ao streaming. Um crescimento de 60,4% em relação a 2015. Já os downloads, apresentaram queda de 20,5%.

Seguindo a tendência mundial, houve um crescimento de 52,4% do streaming se comparado a 2015. “O mercado brasileiro teve receita de US$ 230 milhões (cerca de R$ 751 mi) em 2016, dentro da movimentação global de US$ 15,7 bilhões (R$ 51,3 bi)”.

Com relação às vendas de unidades físicas e arquivos digitais, o Brasil apresenta arrecadação de 22,8% do faturamento para CDs e DVDs contra 77,2% para streaming e downloads. “Apesar dos 5,9% de crescimento do mercado global, o Brasil teve uma retração de 2,8% em relação a 2015. A crise afeta fortemente as lojas físicas. A venda de CDs no mundo caiu 7,6%, mas no Brasil chega a redução chega a 43,2%”. Detalhes sobre os números na notícia.

Tags:

Leia na origem

©2020 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?