Allan C. Thygesen, presidente do Google para as Américas, veio ao Brasil e comentou sobre o boicote à empresa que está sendo acusada de veicular anúncios em sites extremistas e de cunho violento.

Grandes empresas estão declarando boicote ao Google após a agência Havas retirar toda a publicidade de seus clientes no Reino Unido. O Google é acusado de permitir anúncios em sites extremistas e de cunho violento.

De acordo com o USA Today, agências continuam encontrando os anúncios veiculados aos vídeos. Por isso grandes marcas como a Marks & Spencer, Argos, BBC, Domino’s Pizza, The Guardian, Hyundai, Royal Mail, Sainsburys além da AT&T, Verizon e Johnson & Johnson também aderiram ao “boicote”.

Em visita ao Brasil para participar do Google for Brasil, em São Paulo, Allan C Thygesen, presidente do Google para as Américas, falou sobre o assunto dizendo que o Google desapontou grandes anunciantes no Reino Unido, fazendo com que a empresa de tecnologia aprimorasse seu sistema de segurança para permitir aos anunciantes maior segurança ao veicular anúncios nas plataformas

Tags:

Leia na origem

©2019 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?