Matéria de Notícias da TV

A MTV Brasil anunciou que trará o Acústico MTV de volta, após um hiato de oito anos. O projeto faz parte do reposicionamento da marca no país.

A MTV Brasil ainda existe! O canal tem buscado se reestruturar no país, mesmo com os realities shows e apenas 12 horas de conteúdo musical. Agora a aposta é retornar com o Acústico MTV.

Segundo o portal Notícias da TV, o Acústico MTV terá algumas novidades, com exibição de um formato parecido com um documentário mostrando o processo de criação, desenvolvimento e bastidores de cada artista.

O canal ainda está analisando os artistas que serão convidados, mas já confirmou que o critério será baseado na preferência de seu público: “Serão artistas com uma pegada totalmente jovem e que dialogam muito com nossa audiência, a cara da MTV”, disse Tiago Worcman, vice-presidente de Programação e Conteúdo da MTV Brasil e América Latina.

“O Acústico nunca deixou de ser um produto da MTV. Esse ano a gente já fez um no México e um na Argentina, e eu acho que no Brasil precisou esse momento da MTV de construção, ao longo de cinco anos, para o mercado entender que é interessante o Acústico, tanto para as gravadoras como para a audiência. Acredito que agora estamos prontos pra voltar com esse produto”, afirmou Worcman.

O vice-presidente da MTV ainda contou mais detalhes: “A ideia é a gente ter um artista, no máximo dois por ano, porque a gente entende que o Acústico é um momento especial na carreira do artista. Ele tem que estar de alguma maneira querendo e preparado para apresentar de uma maneira diferente da trajetória musical dele. Então, não é que a gente vai ter isso todo trimestre, porque a gente precisa encontrar o artista certo, na hora certa da carreira dele para fazer esse Acústico”.

“O Acústico MTV estreou no Brasil em 1990 e teve participações icônicas, que resultaram em grandes volumes de vendas de CDs, como Titãs (1,8 milhão, em 1997), Legião Urbana (900 mil cópias, gravado em 1992 e lançado em 1999), Lulu Santos (900 mil cópias, em 2000), Cássia Eller (900 mil cópias, em 2001) e o recordista Kid Abelha (2 milhões de cópias, em 2002)”, informou o Notícias da TV.

 

 

Foto: Reprodução/YOUTUBE

Tags:

Leia na origem

©2018 MCT - Música, Copyright e Tecnologia.

ou

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?